Para inovar é preciso pensar também na terceirização dos serviços operacionais da empresa

O que muda com a nova lei trabalhista
14/11/2017
Terceirização: o que é e como posso agregá-la à minha empresa?
01/02/2018
Para inovar é preciso pensar também na terceirização dos serviços operacionais da empresa

Nos últimos anos, houve uma expansão nas indústrias de serviços, como as das áreas de finanças, viagens e varejo. As empresas no setor de serviços mudaram sua posição tradicional e agora oferecem produtos que podem agregar valor aos serviços de seus clientes.

Em particular, a Tecnologia da Informação (TI) e os serviços empresariais habilitados para TI tornaram-se fundamentais para que uma empresa seja capaz de oferecer valor aos seus clientes. Tal necessidade leva essas organizações a procurarem maneiras de melhorar seus serviços e de manter uma posição competitiva.

Nos últimos dez anos, houve um crescimento significativo na indústria de terceirização. Esse campo retirou seu foco nas tarefas simples e de baixo custo, como a codificação, para dedicar-se à entrega de serviços de ponta a ponta. Assim, essa indústria agora oferece serviços que vão desde as áreas de TI e de atendimento ao cliente, até serviços empresariais mais complexos, como: finanças e contabilidade; recursos humanos; compras; limpeza; construção; segurança empresarial; entre outros.

As propostas presentes na Reforma Trabalhista têm caminhado cada vez mais para esta forma de trabalho nas empresas. Além disso, esta se tornou uma maneira consolidada de geração de negócios de muitas empresas. À medida que a indústria amadurece e as oportunidades de serviços de terceirização se estendem para atividades de maior valor, as empresas clientes elevam suas expectativas, buscando de seus fornecedores a entrega de inovações de alto impacto.

Para acompanhar as forças do mercado e influenciar os gostos dos consumidores, as empresas precisam ser inovadoras e aproveitarem o conhecimento interno e externo. O elemento externo pode ser fornecido por um parceiro de terceirização, mas esse conhecimento deve ir além do domínio técnico. Pois, isso demonstrará a capacidade do fornecedor de transformar os processos de negócios em toda a cadeia de valor e de introduzir inovações de gerenciamento que ofereçam flexibilidade e agilidade à empresa cliente.

O objetivo da estratégia de terceirização é ajudar as empresas a incorporarem a inovação em seus serviços. Assim, a meta é garantir que a inovação desejada seja capturada nas metas do projeto de terceirização, além de estar alinhada ao ciclo de vida da terceirização e aos objetivos comerciais da empresa cliente. Confira 6 passos que separamos para você compreender um pouco mais a questão da inovação na terceirização de serviços:

  • Passo Um – estratégia de inovação: os executivos precisam considerar o tipo de inovação esperada (ou seja, incremental ou radical) e qual é o impacto esperado desta inovação no nível operacional e estratégico;
  • Passo Dois –instrumentos de medição de projeto: os executivos são obrigados a desenvolver as ferramentas com base nas quais serão avaliadas as melhorias alcançadas através de inovação incremental ou radical;
  • Passo Três – avaliação da capacidade inovadora do fornecedor: momento em que os executivos devem desenvolver uma metodologia que os oriente a considerar a inovação do fornecedor como parte dos outros critérios de seleção de fornecedores;
  • Passo Quatro – concepção do contrato de inovação: esse contrato deve ser elaborado para incluir metas de desempenho e compensações por inovação incremental, além de indicar um roteiro claro de formação de parceria para a conquista de uma inovação radical;
  • Passo Cinco – construção de relacionamentos: a empresa cliente e o fornecedor investem em mecanismos que apoiem o desenvolvimento contínuo e a renovação de suas relações, como elementos complementares da abordagem contratual;
  • Passo Seis – medição da inovação: a empresa cliente monitora e verifica o cumprimento das metas de desempenho na inovação incremental, além de observar a saúde e o desempenho da rede radical de inovação.

Com estes seis passos, não há razão para que as empresas possam não só se beneficiar da inovação, mas também conhecer o valor monetário que ela (e suas parcerias) traz para o negócio.

Nós da RBW estamos no mercado de terceirização e pensamos constantemente em formas de inovar e apoiar nossos clientes em seus processos de negócios. Agende uma visita agora mesmo.

Comentários

comentarios

Contato