Conte com a nossa equipe em todos os momentos!

soluções em qualidade

Prestação de serviços em qualidade

mão de obra
qualificada treinada

O controle de qualidade é um processo que tem como objetivo identificar se uma peça, produto ou lote está de acordo com as normas de seu órgão regulador. Dessa forma, após a análise é possível saber se os materiais produzidos estão prontos para o uso do consumidor.
+
funcionários
+
empresas atendidas
+
serviços oferecidos
+
cidades atendidas

Serviços que oferecemos

nós te ajudamos a resolver problemas!

Inspeções Visuais e Dimensionais

A inspeção dimensional é o mais facilitador dos métodos de inspeção não destrutivo que se pode produzir em um processo de fabricação. O objetivo da inspeção dimensional é avaliar se toda a peça está dentro das dimensões permitidas conforme norma de fabricação. Há inúmeras normas com distintos princípios de aceitação das dimensões, assim como das descontinuidades que possam ser achadas nas peças. Essas diferenciações são encontradas porque cada composição recebe uma regra diferente de montagem. Dessa maneira, é comum que a criação de um veículo de fonte de funcionamento complexo tenha mais obrigações técnicas que a construção de uma plataforma, por exemplo.
CONFIRA PARA QUE SERVE A INSPEÇÃO DIMENSIONAL
A inspeção dimensional busca padronizar a fabricação dos componentes usados em uma máquina segundo as normas de fabricação e do projeto. Além disso, é voltado para ajudar durante a soldagem para identificar possíveis falhas e descontinuidades intoleráveis, por exemplo:

• Inexistência de cortes ou mecanismos de reforços exagerados;
• Problemas de mordeduras e trincas;
• Complicações na exatidão dimensional das soldas e manter toda a formação do equipamento e as soldas de acordo com as orientações de fabricação e montagem.

Embarques Controlados (CS1, CS2)

Embarque Controlado Nível I
Consiste na verificação de 100% dos lotes ou por amostragem, dependendo da criticidade do problema do produto, devendo estes, estarem em conformidade com os planos de controles internos atualizados. O propósito deste processo é para que o cliente identifique a causa raiz do defeito e incorporar ações corretivas irreversíveis.

A segunda etapa do CS1 é identificar a causa raiz do defeito e incorporar ações corretivas irreversí-veis. A terceira etapa do CS1 é garantir, através do processo de inspeção acima, que as ações corretivas sejam eficazes.
Embarque Controlado Nível II
Consiste na verificação por imposição do solicitante (cliente) de 200% dos produtos, sendo 100% inspecionados pelo solicitado (fornecedor) e 100% pela empresa que foi homologada ou aceita pelo cliente. O embarque nível II ou CSII é feito por um tempo mínimo de 90 (noventa dias), os quais neste período não poderão ter nenhuma reincidência, conforme especificações no plano de controle interno e homologado pelo solicitante (cliente), havendo-se, prorroga-se por mais 90 (noventa) dias. O propósito deste processo é de assegurar a qualidade do produto entre as partes envolvidas, tomando as ações corretivas e irrevogáveis iniciadas no CSI ou Nível I através dos indicadores apresentados.

Retrabalhos em Produtos Diversos

Consiste em retrabalhar produtos ou peças metálicas ou não metálicas, através de furação, lixamento, polimento e outros, deixando-os em conformidade dentro das especificações técnicas do cliente interno e externo.

Seleção de peças ou componentes automotivos, eletroeletrônico e linha branca de acordo com as especificações dos clientes e com os procedimentos do sistema de Gestão de Qualidade.

A RBW é especializada na solução de problemas de qualidade dos clientes através da seleção, inspeção e retrabalho de componentes em todas as fases do processo.

GP 12

O propósito deste treinamento é capacitar os participantes para a aplicação efetiva e econômica do procedimento de contenção avançada conforme requisito da GM – GP 12.

Dentre os principais objetivos deste processo podemos citar:

• Entendimento do conceito de Contenção Avançada;
• Entendimento da relação APQP/PPAP x GP12;
• Entendimento da relação GP12 x requisitos do Sistema de Manufatura conforme BIQS;
• Entendimento das regras para implementação do GP-12 e suas regras de aplicação.

Magna-Flux

Trata-se de um conjunto de instrumentos específicos para análises físicas de possíveis problemas da constituição superficial dos materiais de metal (ou ferromagnéticos), é um teste não-destrutivo, no qual nós usamos a Lanterna UVG-Labino para aplicação de Luz Ultra Violeta, sobre a peça, barra, rolamento, etc, que será revestido com um líquido especial carregado iônica ou magneticamente e preparado através de anos de estudos para refletir a fluorescência que se acumula onde não há a constância necessária do material.

Este líquido penetrante que reflete descontinuidades é removível a solvente, para maior eficiência e claridade, acumulando-se (no campo de fuga) apenas em trincas, escórias, falta de fusão, porosidade, inclusões, fraturas, soldas, forjados, etc… É também usado em vasos de pressão, rolamentos, fundições, metalurgia geral, usinas de energia, inspeção de maquinário e em sites e materiais construção.

Montagem e Sub-montagem

A montagem é parte fundamental de muitos produtos, principalmente aqueles que possuem diversos itens que devem ser embalados. O consumidor deseja obter na hora da compra uma embalagem adequada, segura, que proteja o produto e que contenha todos os itens comprados (acessórios, cabos, manuais etc.). Na área logística, a montagem profissional dos kits e embalagens de produtos é feita de maneira ágil. Como a mão de obra é treinada e dedicada para essa função, é possível realizar com muito mais eficiência o trabalho de montagem.

Por isso, as empresas que terceirizam serviços de montagem desejam uma execução precisa e consistente dessa tarefa, para obter melhores resultados em logística e na satisfação do consumidor de seus produtos.
BENEFÍCIOS PARA EMPRESAS QUE TERCEIRIZAM SERVIÇOS DE MONTAGEM
Existem diversos benefícios para as empresas que terceirizam serviços de montagem,

dentre os quais, destacam-se:

• padronização da qualidade;
• cumprimento do cronograma produtivo;
• melhores práticas em controle de qualidade;
• modernização da gestão logística.

Ou seja, as empresas que terceirizam serviços de montagem conseguem uma melhor execução dessa importante tarefa. No entanto, é preciso contar com parceiros qualificados para realização desse serviço, como a RBW.

Inspeção de Recebimento

A inspeção de recebimento tem por objetivo primordial verificar a conformidade dos materiais ou equipamentos comprados pela Contratante para evitar o uso de produtos em desacordo com as especificações. Os produtos devem atender plenamente as especificações técnicas, aos detalhes do pedido de compra, os requisitos contratuais, entre outros documentos. Muitas empresas aliam a contratação da inspeção de recebimento ao serviço de construção e montagem.

O serviço de inspeção de recebimento juntamente com a construção e montagem devem ser realizados seguindo os padrões e as normas contratuais e por empresa especializada que disponibiliza profissionais capacitados e experientes (inspetores) para a execução dos serviços.

A inspeção de recebimento, normalmente é executada no almoxarifado das contratantes, nesse processo são verificadas as características de controle definidas nos planos de qualidade que visam verificar a conformidade ou não do material adquirido pela empresa, por meio de inspeção e ensaios do material.

Beneficiamento de Peças

Trabalho especializado realizado nas nossas estruturas, com equipe treinada e qualificada. Realizamos lixamento, polimento, montagem, submontagem e solda em peças plásticas ou metálicas. Visando atender as empresas que queiram transferir alguma etapa do processo, com o intuito de liberar área produtiva para novas linhas de produto e que queiram sua equipe focada no produto final, estamos dispostos a estudar e efetivar propostas técnicas e comerciais, conforme terceirização desejada pelo cliente.

Estamos prontos à atender montagens e sub-montagens de produtos diversos, envolvendo parte mecânica, elétrica e eletrônica, tendo como público alvo Empresas Sistemistas, Indústria de Eletroeletrônicos, Linha Branca, Automobilística e outros segmentos.

Treinamento e Consultoria

Atualmente para que uma empresa tenha suas devidas certificações na área de qualidade, elas devem sempre padronizar os esforços de melhoria constante nos processos de trabalho e esses esforços devem sempre estar voltados e alinhados nos valores e conceitos da gestão de qualidade. Hoje em dia a velocidade das mudanças nos negócios é muito rápida e empresas que não se mantiverem atualizadas nos padrões gerais voltados a gestão de qualidade total não sobreviverão neste acirrado mercado competitivo que se torna cada vez mais interligado ao mundo, e os negócios mais complexos e dinâmicos dia após dia.

A gestão de qualidade tem como fundamento principal o aprendizado de novas culturas organizacionais, dentro e fora das empresas e em cima desse novo aprendizado se cria uma nova cultura dentro da empresa. Uma cultura voltada sempre a qualidade total, mas para que isso funcione de maneira eficaz todos devem dar sua parcela de contribuição, desde funcionários á gerentes e diretores, pois uma boa gestão de qualidade só tem bons resultados quando todos envolvidos fazem sua parte. Daí a importância de se ter uma boa consultoria em qualidade, pois quem está dentro da empresa nem sempre enxerga os problemas de maneira ampla como quem está de fora.

Gerenciamento do Sistema de Qualidade

A Gestão da Qualidade Total (do inglês “Total Quality Management”, também conhecida pela sigla “TQM”) consiste numa estratégia de administração. O método é focado no processo de criação de consciência da qualidade em todos os processos organizacionais. Assim como nas pessoas envolvidas nesses processos.

Em outras palavras, a Gestão da Qualidade Total pode ser definida como sendo qualquer atividade coordenada para dirigir e controlar uma organização no sentido de possibilitar a melhoria de seus produtos ou serviços. Essas ações têm como objetivo garantir a completa satisfação (ou superação) das necessidades e expectativas dos clientes, em relação ao que está sendo oferecido.

Dessa forma, a gestão da qualidade não precisa, necessariamente, implicar na adoção de alguma certificação, embora este seja o meio mais comum e mais difundido de garantir a qualidade nas empresas.

Algo bacana de prestarmos atenção é no termo “total” no final da expressão. Ele foi adotado exatamente para deixar claro que o objetivo da Gestão da Qualidade Total é garantir a qualidade em todas as partes envolvidas nos processos, incluindo distribuidores, revendedores, fornecedores e demais parceiros de negócios.

Auditoria Interna da Qualidade

A auditoria interna da qualidade é um procedimento sistematizado e imparcial de avaliação dos processos de provisão de produtos e serviços de uma organização, utilizado para averiguar se são cumpridos os requisitos da norma ISO 9001 e os requisitos da própria organização, com a finalidade de demonstrar se o sistema de gestão da qualidade está implementado e mantido de forma eficaz.

O objetivo principal da auditoria interna da qualidade é evidenciar a conformidade dos processos do sistema de gestão da qualidade com os requisitos aplicáveis da organização.

Implantação de SGI (ISO9001:2208)

O sistema de gestão SGI (Sistema de Gestão Integrada – SGI) tem como objetivo a implementação de um sistema integrado: gestão da qualidade (ISO 9001), gestão ambiental (ISO 14001) e gestão da segurança e saúde ocupacional (ISO 45001). Juntos, estes três sistemas de gestão fazem com que a empresa controle itens como, por exemplo:

# A qualidade do produto ou serviço;
# Satisfação do cliente;
# Descarte corretamente os resíduos;
# Eficiência em seus processos;
# Preocupação com a saúde e segurança dos trabalhadores.

Todos eles possibilitam a realização de um trabalho de sistema de gestão integrado e com foco no processo de melhoria contínua na área de qualidade, meio ambiente, responsabilidade social, segurança e saúde ocupacional do trabalho, segurança da informação, recursos humanos e controle financeiro.

Implantação de SIG (ISO/TS-16949)

A ISO/TS 16949 é uma norma automotiva mundial a qual foi elaborada conjuntamente pelos membros do IATF. O IATF ( – International Automotive Task Force – Força Tarefa Internacional Automotiva) é um grupo de fabricantes automotivos (General Motors, Ford, Daimler Chrysler, BMW, PSA Citroen, Volkswagen, Renault, Fiat) e suas respectivas associações. Esse grupo foi formado para fornecer produtos com a qualidade melhorada aos clientes automotivos.

A ISO/TS 16949 define requisitos do sistema da qualidade baseados na ISO 9001, AVSQ (Itália), EAQF (França), QS-9000 (USA) e VDA 6.1 (Alemanha). É aplicável às plantas de organizações onde produtos especificados pelo cliente são manufaturados para produção e/ou reposição.

Certificar seu sistema de Gestão da Qualidade de acordo com ISO/TS 16949 irá impactar positivamente o sucesso da sua organização e proporcionar os seguintes benefícios:

1. Reduzir o número de múltiplas certificações de auditorias de terceira parte para uma certificação
2. Melhorar sua produção e a qualidade dos processos.
3. Reduzir a variação da produção e aumentar sua eficiência.
4. Proporcionar maior credibilidade quando estiver participando de concorrências de contratos mundiais.
5. Reduzir o número de auditorias de segunda parte.
6. Facilitar a compreensão dos requisitos de qualidade para toda a cadeia de fornecimento (fornecedores/ sub-contratados).
7. Consultoria para implantação da norma ISO TS 16949 – Sistemas de Gestão da Automotivo – Requisitos;
8. A duração da sempre é definida pelo nosso cliente, de acordo com a sua necessidade, interesse e/ou tempo disponível.

Elaboração e Montagem de PPAP

O Processo de Aprovação de Peça de Produção (PPAP) é um processo padronizado nas indústrias automotiva e aeroespacial que ajuda fabricantes e fornecedores a se comunicarem e aprovarem projetos e processos de produção antes, durante e depois da fabricação. Criado com a esperança de promover uma compreensão mais clara dos requisitos dos fabricantes e fornecedores, o PPAP ajuda a assegurar que os processos de fabricação de peças possam reproduzir consistentemente as peças durante as corridas de produção rotineiras. Para aqueles na indústria automotiva, o processo PPAP é atualmente regido pelo manual PPAP publicado pelo Grupo de Ação da Indústria Automotiva (AIAG).

Possuímos expertise, profissionais qualificados e alta tecnologia

mais serviços

Reduza custos, Ganhe tempo e aumente a produtividade.
logistics

Logística

Facilities

Facilities

Transparência, eficiência e qualidade

Grupo RBW
Enviar via WhatsApp